13.10.10

falta_me a vontade de me cansar mas que cansaço













o que há em mim
é sobretudo cansaço
não disto nem daquilo
nem sequer de tudo ou de nada
cansaço assim mesmo ele mesmo ele
cansaço
um supremíssimo cansaço
íssimo íssimo íssimo
cansaço




álvaro de campos






























falta_me vontade falta_me vontade falta_me vontade falta_me vontade falta_me vontade de me cansar e cansei_me do cansaço cansei_me do resto cansei_me das letras cansei_me das palavras cansei_me dos livros cansei_me dos dias cansei_me das noites cansei_me das luas cansei_me dos azuis cansei_me dos brancos cansei_me dos cinzas mas não me canso de fumar cansei_me dos mares cansei_me das marés cansei_me das águas mas não me canso de respirar cansei_me de tudo cansei_me do nada cansei_me de todos cansei_me dos outros cansei_me de ti cansei_me de mim cansei_me de nós cansei_me disto e daquilo mas que cansaço que cansaço que cansaço este mesmo cansaço que cansa tanto e não cansa nada e faz com que me falte a vontade a vontade de me faltar a vontade que me falta a vontade falta_me a vontade de me faltar de me faltares falta_me vontade falta_me vontade falta_me cansar







fotografias de francesca woodman

13 comentários:

nils disse...

Bom que esse cansaço nunca a canse de se partilhar connosco.

Luis Eme disse...

precisas mesmo de descanso, talvez numa ilhota exótica, Ivone...

Moon_T disse...

idem

simplesmenteeu disse...

cansada canso-me do cansaço.
canso-me do frio que arrefece a mão. paralisa o gesto.
da nuvem que não chove e no entanto é sombra, embaciando o azul.o luar. a noite...

"somewhere over the rainbow
bluebirds fly
and the dreams
that you've dreamed of
dreams really do come true"

um beijo

ivone disse...

Somewhere over the rainbow
Way up high
And the dreams that you dreamed of
Once in a lullaby ii ii iii
Somewhere over the rainbow
Blue birds fly
And the dreams that you dreamed of
Dreams really do come true ooh ooooh
Someday I'll wish upon a star
Wake up where the clouds are far behind me ee ee eeh
Where trouble melts like lemon drops
High above the chimney tops thats where you'll find me oh
Somewhere over the rainbow bluebirds fly
And the dream that you dare to,why, oh why can't I? i iiii

Well I see trees of green and
Red roses too,
I'll watch them bloom for me and you
And I think to myself
What a wonderful world

Well I see skies of blue and I see clouds of white
And the brightness of day
I like the dark and I think to myself
What a wonderful world

The colors of the rainbow so pretty in the sky
Are also on the faces of people passing by
I see friends shaking hands
Saying, "How do you do?"
They're really saying, I...I love you
I hear babies cry and I watch them grow,
They'll learn much more
Than we'll know
And I think to myself
What a wonderful world (w)oohoorld

Someday I'll wish upon a star,
Wake up where the clouds are far behind me
Where trouble melts like lemon drops
High above the chimney top that's where you'll find me
Oh, Somewhere over the rainbow way up high
And the dream that you dare to, why, oh why can't I? I hiii ?

Anónimo disse...

Eu...cansada deste sofá.
Cansada de nâo me cansar de nenhuma forma...
Cansada de viver ,cansada do cancro...
Mas tenho um amor que se deita todas as noites na minha cama e me abraça como se eu fosse a única mulher...
É por isso que estou aqui.
1 abraço.
Helena

oldmirror disse...

Esse Red Bull, faz efeito ou...not yet?

http://sinais-de-fumo.blogspot.com/

ivone disse...

helena aquele abraço!

ivone disse...

not yet old not yet

Anónimo disse...

Obrigada,Ivone.
Foi um abraço bom, importante para mim.
Por vezes sinto-me só ,nem sei porquê...Estou farta deste sofá onde me tenho sentado dias seguidos desde Maio... Mas estou a arranjar coragem para voltar á rotina do trabalho agora em Dezembro.
Sinto-me ansiosa sem saber como responder ás perguntas que surgirão pois sou muito ciosa da minha privacidade e ter um cancro de mama não é um assunto que eu queira abordar com qualquer pessoa...
E no entanto estou aqui a "falar"consigo...alguém que não conheço. Desculpe.
Outro abraço .
Helena

sem-se-ver disse...

ivone, desculpe o mau jeito e tal, mas escolhi o seu blog para dardejar (simmmm, está de volta, aquele prémio!). tenho andado silenciosa mas nunca deixei de a seguir. e porque aquilo serve para demonstrar 'reconhecimento pelo valor que agrega à web', é muito merecido dedicar-lho.

um abraço.

Luis Eme disse...

já vi que deves ter aceite o meu conselho. já agora que ilhas escolheste, Ivone?

ivone disse...

anónima
por vezes sabe bem falar com quem não se conhece de lado nenhum nunca se viu nem se espera vir a conhecer. quando precisares passa por cá. tens sempre aquele abraço.

semsever
a falta de tempo ou a disponibilidade emocional afasta_me por vezes deste espaço apesar de o visitar frequentemente.preciso de me reler. não sou muito dada a prémios ou bónus ou medalhões essas coisas do género mas fico_lhe grata pelo reconhecimento e gosto pelo que tento construir por aqui. volte sempre. beijo.

luis m
não te posso dizer senão já sei que ías lá ter e eu quero e preciso ficar sózinha