3.3.08

pi. amo.











se.
se na minha pele
agarro cada corda nua
me dispo de adagios surdos
alinho_me
nas pautas
que em cada nota
te abraça
por fim
como que numa clave de sol
só tua
.pi. amo.








pi. amo.

17 comentários:

Bloguemate disse...

Pois agora vou experimentar ler isto tudo outra vez, mas com banda sonora, que tal o adagio de Albinoni?

Carla disse...

acordes perfeitos...
...perfeita sintonia entre palavras e imagens, mais uma vez!

~pi disse...

bela que se ouça a alma da noite

à luz da

manhã




~

alexandrecastro disse...

sem dúvida nenhuma que você é mestra na arte de...imaginar?!
beijinho

Estrelaminha disse...

Concordo com a Carla, mais um post excelente.

tufa tau disse...

e que bonita a melodia...

ivone disse...

bloguemate

e depois de leres e releres experimenta ouvir albinoni em silêncio só com as letras em memória

que adagio!!



carla
será que existe um acorde perfeito?


~pi
de noite há almas vadias dispersas perdidas...
se adoro a noite? amo. e a alma também.



alexandre
que seria de mim sem o meu imaginário?
que seria de nós sem um imaginário?
já pensou nisso?



estrelaminha
só escrevo o que sinto
quando deixar de sentir deixo de escrever




tufa tau
conseguiu ouvir esta melodia?
é que nela há acordes surdos.

Jorge Elias disse...

Passei para mais uma visita.



Deixei um beijo (em silêncio), no meu Blog.

Abraços,

Jorge Elias

Alma Nova disse...

Numa sequência de notas surge uma melodia surda...uma dança de sons que em ternos abraços canta Amor.

S. disse...

oferece essa música que em ti habita a quem melhor a saiba escutar

maria josé quintela disse...

quando o instrumento é o amor



só pode resultar


uma belíssima melodia!

Maria José disse...

Sinfonias a duas vozes.

un dress disse...

gestos

traçados

no ar


~


mu si ca

in fi ni ta


~

ivone disse...

jorge elias
nunca um beijo me soube tão bem
este seu em silêncio






alma nova
é isso mesmo. canta amor. sim.




s.
se me habita será de quem a souber escutar. tão bem. como eu.




maria josé quintela
sempre o amor não é? esse inferno...




maria josé
ou um monólogo a uma só voz




un dress
música sem fim sim.
voos altos a rasar outras notas soltas.

Memory disse...

Por aqui ouve-se musica nas imagens e nas palavras....

Um abraço

ivone disse...

memory
por aqui vive_se música sempre
bom início de semana
bj

Verônica Martinelli disse...

Bá que idéia...

Pi amo!!!
Ficou muito intrigante.

O amor é musica!

]Beijos