6.7.08

com sentido seria contigo. assim.

sem ti
consentido seria contigo assim


com sentido
















há um sentido subjacente ao que escrevo
a que nenhuma decifração pode restituir a leitura
não digo que seja secreto
que tenha nascido de um desejo de ocultar o que é visível


depois há uma música que nasce daquilo que para uns
se chama sugestão
e outros interpretam como o sopro divino


nem uma nem outra me interessam


o sentido és tu na perfeição absoluta com que o som e a imagem se juntam
para que nada os separe


esta verdade é minha
e quando te encontro sob o sentido do que digo
todo o poema está explicado





teoria do enigma
de nuno júdice






























o sentido serás tu se um dia eu te correr a pele de baixo acima.
na sofreguidão do sentir deslizar o tacto que me arranha as lembranças de uma coberta já fria. levar_te à cintura as mãos que agora se fecham em força desprendida. percorrer_te os cabelos e escorrê_los por entre os dedos como se cada um deles se emaranhasse em mais um nó aberto afinal. mas duro e seco. sofrido.


o sentido és tu. na perfeição fina da figura com que me abraça sem fim.


enfim.


sem sentido é sentir o que senti. sem sentido é sem ti. com sentido seria contigo. assim.






consentido.
sim
fotos de katia chausheva

17 comentários:

oldmirror disse...

Faz todo o sentido ficarmos presos aqui, a ler a...sentir.

Baraújo disse...

"sem sentido é sentir o que senti"

quantas e quantas vezes penso nisto, tão sublime. mais uma vez acompanhando o teu post, as extraordinarias imagens que dão todo o sentido ao que escreves...

... ... ... sim

beijo ternorn

Dois Rios disse...

Sensualidade rascante... quase em carne viva... maravilhoso Nuno Júdice!

Teresa Durães disse...

bonito jogo de palavras

diana disse...

Sentidos... traiçoeiros e amigos. Blog fantástico, post fantástico.

~pi disse...

sentir

sentidos: como se

comer bocados

da

alma



~

tufa tau disse...

fantástico, ivone

de uma pureza com muito sentido

beijo

Andreia Ferreira disse...

"o sentido serás tu se um dia eu te correr a pele de baixo acima". agora fiquei sem fôlego... *

O Profeta disse...

Enbriago-me nas tuas palavras...


Doce beijo

josé louro disse...

As fotos são lindas. O texto muito pessoal. Reli.

_E se eu fosse puta...Tu lias?_ disse...

:)


uau...ufa...sem fôlego!

beijinhos

S. disse...

sei tão bem o que é não encontrar qualquer sentido nos sentimentos que nos desaguam no papel...o sentido mora no outro...o sentido és mesmo tu...

Carla disse...

com os cinco sentidos em sentido...li as tuas palavras
beijos

Arion disse...

"sem sentido é sentir o que senti. sem sentido é sem ti. com sentido seria contigo. assim." Mesmo depois de certas vidas passadas há coisas que continuam a fazer sentido, mesmo que no ar se respire uma saudade que parece não o ter. No fundo, é tudoo isso que acaba por nos edificar. Beijo! :)

Anónimo disse...

... sem sentido é sem ti. com sentido seria contigo. assim

... o sentido serás tu se um dia eu te correr a pele de baixo acima

Esta é uma verdade só nossa
só nós lhe damos sentido.
um abraço

Detalhes disse...

Brilhante!

Bjs

sou eu disse...

sim.